Resenha by Lígia Colares

Beatriz e Matheus são vizinhos, cresceram juntos, estudam juntos, jogam vídeo game juntos, suas famílias se conhecem e fazem reuniões de família juntas… Ou seja, eles são os maiores melhores amigos! Se entendem em tudo, possuem uma rotina, e a única coisa que eles não concordam é da graça de ler livros! Haha! No desenvolver da história eles percebem que há algo mais, e a amizade se torna amor!

Seguindo esse fluxo da história, achei que estava lendo apenas mais um livro de romance… Ledo engano… Toda a história dá uma reviravolta, e de repente nada mais é o que eu esperava! Esse foi mais um livro que não li a sinopse, simplesmente abri e comecei a leitura, e quando menos esperava, estava num seminário lendo e uma pequena lágrima escorre de meus olhos, e eu tenho que correr para ninguém perceber… Haha!

Alguns pontos me incomodaram… O livro é escrito em primeira pessoa, e algumas vezes Beatriz escrevia como falava, o que tornava o livro mais parecido com um diário… O uso de gírias, e o raciocínio um pouco próximo do devaneio me incomodaram no início, mas foi algo que se desenvolveu e foi resolvido!

Outro ponto é que esse livro me lembrou muito um outro… O que eu indicaria para a autora seria desvincular um pouco, pois se eu fiz essa associação, algumas outras pessoas podem fazer também, e seria algo prejudicial!

Mas apesar de tudo, é um livro rápido e fácil, a história em si é envolvente e curiosa… E é o tipo de leitura que você termina feliz por ter tido a oportunidade de ler! =D

Anúncios

Resenha by Mari S

A princípio imaginei que não fosse me interessar muito pela história, pois, logo no comecinho, já ficamos sabendo que se trata da vida de adolescentes que estão no 9º ano do colégio. Logo eu pensei que já não pertenço a esse mundo de colégio faz tempo (na minha época nem existia 9º ano) então não ia me identificar tanto com os personagens.

Mas continuei a leitura e muitas vezes me peguei relembrando situações que aconteceram comigo e com meus amigos. Ri sozinha ao lembrar dos bilhetes passados em sala de aula como se fossem salas de bate papo da internet. Sim, eu fazia isso (e muito) na época de 8ª série (um beijo especial às melhores amigas de sempre: Thaís, Rafaela, Júlia e Fabiana, lembram disso, meninas?) e a história foi, pouco a pouco, me cativando.

Me envolvi com a vida de Beatriz e Matheus: dois amigos inseparáveis que, de repente, percebem que o que há entre eles é muito mais do que apenas uma amizade e o livro mostra isso de forma muito leve – da amizade nasceu o amor – simples assim!

Assim como eu, tenho certeza que as meninas também vão achar o Matheus um fofo, que dispensa uma das garotas da sala para, finalmente, se declarar para a Bia sem saber se ela sente o mesmo por ele, mas sentia, e eu adorei quando ficaram juntos.

Como nem tudo são flores, uma doença bastante grave veio para aterrorizar o romance dos dois. Matheus descobre que está muito doente e Beatriz busca forças das estrelas para ajudá-lo a passar por essa fase.

Um livro muito tocante que, como eu disse à autora, me fez chorar bastante. Nos mostra a importância do amor e, acima de tudo da amizade. Um com o outro, sempre! Afinal, a doença estava debilitando não só o namorado de Bia, mas, principalmente seu melhor amigo.

Quem gosta de livro na temática de “A Culpa é das Estrelas” (quem leu a resenha que eu fiz deste livro aqui, sabe que eu ameeeeeiiii) também vai se apaixonar por Matheus e Beatriz.

Mione Le Fay, todo o sucesso do mundo para você!

Espero que gostem!

Resenha by Isabela Castro

Esse é um livro de uma autora nacional, que está buscando o apoio dos seus queridos leitores para publicação e escolhendo uma editora onde ele possa ser publicado.
O livro conta a história de uma amizade muito bonita, Matheus e Beatriz são muito amigos, cresceram praticamente juntos, no mesmo prédio. Estão tão acostumados com a companhia um do outro que não precisam de muita coisa para rirem e se divertirem. Beatriz é uma menina que fala o que lhe vem a cabeça, é engraçada e adora um vídeo game e o time de handebol. Já Matheus gosta mesmo de ler um bom livro. Então, depois de um beijo roubado em uma brincadeira, começa a aparecer um sentimento novo, que não se sabia existir ali, e assim, surge um grande amor.
Mas nem na ficção, as coisa são sempre como nós queremos e de uma hora para outra, uma doença deixa Bia e Matheus completamente sem chão. É quando o futuro deixa de ser um sonho e se torna um medo terrível, nessas horas é que precisamos estar mais próximos das pessoas que amamos. x.x

“[…]-Eu não te trocaria por ninguém nem por nada…
– Não era o que parecia, sabe, aquela garota baixinha, dentuça e gordinha com cabelo de banana e vestido vermelho, roubou a sua atenção… – Disse fingindo brava, com o rosto um pouco vermelho pela aproximação dele.
– Então, agora terei que lhe recompensar para provar o contrário…
Ele novamente falou com sua voz sussurrante e senti os lábios dele de leve nos meus…”

Eu sempre acho difícil resenhar um livro de parceria, mesmo que esse não tenha sido exatamente uma parceria, eu vejo assim, me sinto quase uma beta *-* rs Dá um medo danado, penso logo algo como “ai meu Deus e se eu não gostar o que vou dizer na resenha, o autor vai ficar com raiva de mim”, mas graças a Deus isso ainda não aconteceu comigo. =) Sob as Estrelas é um livro muito fofo. Ele me lembrou um pouco Hazel e A Culpa é das Estrelas.
Quando comecei a ler, não tinha lido a sinopse, mas só de olhar a capa já imaginava que era um romance. Primeiro achei que seria só uma história bobinha e fofinha sobre um casal de amigos que se apaixonou, mas aí ela me faz o personagem adoecer e me fez rir e me emocionar e refletir e pensar no quanto a vida pode ser curta, que nós precisamos fazer com que ela valha a pena, porque mesmo que não sejamos um marco no mundo, nós deixamos marcas nas pessoas que passam pela nossa vida. 😉

Resenha by Paulo Cesar David

“Ok, não sou bom de Resenhas mais vamos lá. Quando eu comecei a ler eu tenho que confessar que achei a Bia chata demais ela era muito diferente de qualquer personagem que eu já tenha lido . Já o Matheus e carismático do inicio ao fim , não tem como não amar seu personagem, o amigo que todos queriam ter.  Ao decorrer do livro vão acontecendo coisas e na minha opinião fica bem claro que um dos 2 já estava afim de algo mais sério e isso e o legal do livro. O Drama é somente na parte final mas eu tenho que confessar que chorei não pelo fato do casal mais sim por ter escolhido o Câncer para representar a historia, tive um pai e um avo com Câncer e realmente senti o que o personagem estava sentindo ali, me emocionei, ri em muitas partes também e mudei minha opinião sobre a Bia com certeza e amo os protagonistas da historia, pena que é tão curta mas adoraria ver um Livro 2 Contando uma nova ‘vida” para um dos Personagens. Mione Everdeen Le Fay com o Livro fica tantas lições que fica difícil dizer somente uma, mais vai lá uma bem forte: o que é bom dura o tempo bastante para que seja eterno. Esse casal é eterno .

Resenha by Leonardo Estolano Osta

“Logo que comecei a ler o livro achei que ele fosse ser mais um romance água com açúcar, desses que passam na sessão da tarde 5 vezes por mês, mas assim que entrei no 3º capítulo percebi que era totalmente diferente disso. A história é linda, e o mais interessante. é que ela é o mais perto da realidade possível, sem esses clichês de histórias românticas. Muitas vezes me identifiquei com algo que a Bia fez ou pensou. A força da amizade e do amor dos dois protagonistas é muito grande e te faz se sentir como eles, você se sente como a Bia, chora com ela, ri com ela, sofre com ela, fica envergonhado com ela. Tentei me segurar ao máximo para não chorar, mas é quase impossível. É uma história muito emocionante. Te faz refletir sobre a sua própria vida, pensar que tudo que aconteceu com eles pode acontecer com você. Foi um dos livros que mais me prendeu, não só pela história, mas pelo jeito que ela é contada. Virou um dos meus livros preferidos.

Resenha by Luciana Gomes

Sob as estrelas conta a história de amor e amizade entre Beatriz e Matheus. Amigos inseparáveis e ligados desde a barriga de suas mães através de uma placenta invisível que unia e predestinava um ao outro. É o primeiro livro da blogueira e leitora voraz Mione Le Fay.

Beatriz e Matheus são a mesma coisa e ao mesmo tempo não são. Bia é uma garota sem papas nas língua, alegre e extrovertida, fã de esportes e videogames. Matheus é um garoto bem pé no chão quando se comparado a Bia. Leitor até mesmo de bula de remédios segundo ela, Matheus é um grande sonhador extremamente apaixonado por livros. E é deste combinação improvável que nasce uma bonita amizade e uma grandiosa história de amor.

Desde a barriga de suas mães que os dois vivem no mesmo condomínio, dividindo o mesmo corredor, os mesmos amigos, a mesma classe na escola, as mesmas felicidades e tristezas.

Sob as estrelas é aquele tipo de história que te faz refletir e enxergar que até mesmo você já sonhou ou já teve uma amizade assim. Na vida de qualquer criança existe aquela ou aquele amiguinho de classe, aquele vizinho e amigo que faz o seu coração bater mais rápido e fantasiar um bocado de coisas com ele. É o tão falado “meu primeiro amor”.

Mas a vida raramente costumava ser justa com coisas assim. Na verdade ela tende a ser bem injusta geralmente. Conhecemos pessoas e fantasiamos uma vida inteira ao lado dela e no momento seguinte não temos mais nada disso. Nossas fantasias são desmoronadas como um castelo de areia e apesar de ser uma ficção, a história de Matheus e Bia não é diferente. A força dos dois, a sustentabilidade e a duração da relação de ambos é posta a prova quando uma terrível notícia se abate sobre todos.

A autora, Mione Le Fay, nos conta essa bonita e aterradora história de amor usando uma narrativa leve, simples, atual e jovial. Você logo se identifica com os personagens e com os hábitos deles. Porque são os seus hábitos e os de seus amigos também. É um livro doce e emocionante que vale muito a pena conferir.

Resenha by Tuka Ermida

“Agora sim, falando melhor.. O livro fala da história de dois amigos que cresceram juntos e em uma brincadeira de adolescentes, que logo é descoberto o que um sente pelo outro. Junto com as coisas boas, vieram as ruins, um deles acaba descobrindo que tem uma doença séria. Eles sendo tao jovens e tendo que passar por tanta coisa séria. Familia, amor, escola, amigos e saúde. Será que dá pra resistir a tamanha sensação?
No começo do livro, é algo bem jovial. Pouco antes do meio do livro, ele te prende. Você acaba sempre querendo saber mais e mais. Você se identifica muito com os personagens. Você se coloca no lugar deles, sente todas as emoçoes e tudo mais. 
Confesso que no final, eu fiquei muito sem ação. Foi realmente um choque. Fique refletindo sobre tudo por um bom tempo.
Enfim, eu que nao sou de pegar um livro assim, do nada, e realmente me surpreendi. Adorei os personagens e a história é muito linda. 

Mione, você está de parabens! Seu livro ficou ótimo!